Manchetes

Policia Ambiental de Mossoró captura animais silvestres


Outra ocorrência de apreensão de animal silvestre foi registrada às 10h20min do dia 05 de fevereiro. Dessa vez uma coruja que se encontrava dentro de um reservatório de água, na Rua 06 de janeiro, bairro Santo Antônio, foi capturada pelos policiais ambientais e solta em seguida. São muito comuns ocorrências com esse tipo de pássaro, tendo em vista ser a coruja um animal de hábitos urbanos, principalmente habitando em igrejas. Daí o nome popular “coruja de igreja”.
No mesmo dia, às 15h10min, os policiais ambientais capturaram um teju, na Rua Euclides Deocleciano, bairro Valfredo Gurgel, quando o lagarto foi visto dentro de uma residência. Apesar de sua aparente tranqüilidade, o animal não estava em seu habitat natural, razão pela qual foi reconduzido à sede do IBAMA, onde vivem soltos outros exemplares de sua espécie.
Saiba mais sobre esse animal
O gênero de répteisTupinambis, da famíliaTeiidae, compreende os maiores lagartos doNovo Mundo (podem atingir até 2 metros de comprimento) e abrange sete espécies, todas nativas da América do Sul.
São heliófilos, predadores oportunistas e generalistas, podendo consumir vegetais, artrópodes, outros vertebrados e carniça. Todas as espécies do gênero possuem parte da distribuição no território brasileiro.
Dos Teiidae, é o lagarto mais comum em cativeiro, no Brasil. Atinge até 2 m de comprimento. Cabeça comprida e pontiaguda, mandíbulas fortes providas de um grande número de pequenos dentes pontiagudos. Língua cor-de-rosa, comprida e bífida. Cauda longa e arredondada. Coloração geral negra, com manchas amareladas ou brancas sobre a cabeça e membros. Região gular e face ventral brancas, adornadas de manchas negras. Os filhotes são esverdeados, coloração que vai desaparecendo de acordo com o desenvolvimento dos animais.
Devem ser mantidos em amplos terrários, dotadas de pedras e troncos fortes, sendo o substrato formado por uma espessa camada de areia de rio, pré-lavada. A iluminação deve ser fornecida por lâmpadas fluorescentes, garantindo um bom período de luminosidade durante o dia. Devem ser mantidos sob temperaturas entre 28 °C e 32 °C, muito embora suportem consideráveis variações de temperatura. Umidade em torno de 40%.
Onívoros, alimentam-se, em cativeiro, de gemas de ovos, carnes, camundongos, pintinhos, rãs, frutas doces etc. Podem ser animais agressivos, razão pela qual são importantes os cuidados no manejo para evitarem mordidas. Ovíparos, põe, em média 30 ovos, os quais são incubados por um período de 90 dias.

Sobre a Guarda Civil

A Guarda Civil Municipal de Mossoró conta com 278 profissionais, treinados e capacitados para resguardar a segurança do cidadão mossoroense.  Sempre com a preocupação de mostrarmos para a população que somos uma Guarda Cidadã e que estamos nas ruas para lutarmos por um mundo mais justo, desde a proteção dos bens patrimoniais, até a segurança do cidadão.  Conte conosco. Ligue 153




Nuvens de Tags