Manchetes

Reviravolta no caso Tv Mossoró

O suposto assalto a sede da TV Mossoró começa a ser desvendado. Na ultima terça feira dia 21 de fevereiro, a policia militar recebeu uma informação, por volta de meia noite que um veiculo Fiat uno pertencente a TV Mossoró estava abandonado e com as portas abertas, nas proximidades do CAIC do Bairro Carnaubal.
Os policiais localizaram o veiculo e se deslocaram até a sede da empresa e encontraram um funcionário amarrado dentro de um quarto. Ele teria sido amarrado por dois homens encapuzados e com armas de fogo nas mãos.
O suposto assaltante levou da TV Mossoró, três monitores das Ilhas de edição, dois notebokes e o equipamento onde eram armazenadas as imagens do circuito de câmeras de segurança do prédio e fugiram no veiculo de reportagem da empresa. Eles ainda reviraram uma sala onde funciona a tesouraria, procurando algum dinheiro. O mais interessante é que nenhuma porta ou fechadura foi quebrada.
O grupo que administra a empresa procurou a delegacia de plantão, solicitou uma pericia técnica, que foi realizada no dia seguinte e pediu providencia ao delegado de furtos e roubos de Mossoró.
Segundo informações o suposto assaltante teria se apresentado na delegacia e confessado a participação do funcionário "Everton Zamborine" conhecido como Gaúcho no episodio. A pessoa acusada pelo assalto teria dito em depoimento que passou o dia todo bebendo dentro das instalações da TV Mossoró, juntamente com dois funcionários. No final da tarde um dos funcionários teria ido embora, ficando no prédio o suposto assaltante e o “Gaucho”.

Uma fonte, próxima ao delegado que investiga o caso nos informou que o “assaltante” teria dito em depoimento que estava “Tão Fácil” que resolveu levar os objetos. 
O caso está sendo investigando pelo bacharel Luiz Fernando, titular da Defur. Ele não adiantou informações à imprensa pelo fato de não ter ouvido todas as partes e concluído as investigações.
Um empregado da empresa disse na presença de muita gente no final da tarde de hoje, que “Gaucho” teria arrumado suas malas e “Fugiu” de Mossoró.

Estamos citando o único nome ligado a TV Mossoró “Gaucho” por que foi a pessoa envolvida no suposto assalto. O motivo de citá-lo é simplesmente para que não haja especulações quanto a outros nomes. A TV Mossoró Pertence a um grupo político de nossa cidade, mas é arrendada para um empresário de Natal. São eles quem administram parte da programação da emissora.
Fonte:  O Câmera

Sobre a Guarda Civil

A Guarda Civil Municipal de Mossoró conta com 278 profissionais, treinados e capacitados para resguardar a segurança do cidadão mossoroense.  Sempre com a preocupação de mostrarmos para a população que somos uma Guarda Cidadã e que estamos nas ruas para lutarmos por um mundo mais justo, desde a proteção dos bens patrimoniais, até a segurança do cidadão.  Conte conosco. Ligue 153




Nuvens de Tags