Manchetes

Secretaria de Defesa Social promove aula inaugural do curso de formação dos novos guardas civis municipais

reuniao_defesa_civil
Será realizada hoje, 24, no auditório da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (FACS-Uern), a partir das 19h, a aula inaugural do curso de formação direcionado aos 105 candidatos convocados no concurso da Guarda Civil Municipal, realizado em outubro de 2010.
Ontem, 23, os aprovados efetivaram suas matrículas para participação no curso e receberam as primeiras orientações referentes às atividades que executarão após o fim da capacitação. Para o secretário de Defesa Social e comandante da Guarda Civil Municipal, Osnildo Morais, o curso de formação é de fundamental importância para que os novos servidores estejam preparados para atuar nas ruas de Mossoró.
"Será um período delicado, por isso é importante que os guardas se preparem fisicamente e psicologicamente para essa nova etapa. Pedimos que eles deem prioridade ao curso. Sabemos que alguns possuem outros empregos, estão em estágio em empresas, mas não podemos dispensar ninguém, essa não é nossa competência", ressalta.
A capacitação dos candidatos convocados será desenvolvida ao longo de 556 horas/aula, devendo durar em torno de três meses. "Esse tempo poderá ser maior, ou menor, uma vez que os instrutores poderão antecipar a carga horária, ministrando aulas práticas aos sábados, por exemplo", destaca Osnildo Morais, acrescentando que os futuros guardas receberão orientações da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, delegados da Polícia Civil, agentes do Departamento Nacional Penitenciário (Depen) e também do Ministério Público.
O comandante da Guarda Civil revelou também que os 105 convocados não são suficientes para contemplar plenamente o projeto elaborado pelo Poder Executivo municipal ao expandir a atuação do órgão, que prevê a criação de cinco pelotões, através da instituição da Ronda Escolar, que daria maior segurança às escolas municipais; o Pelotão Especial, para operações mais complexas; a Guarda Patrimonial, Ambiental e Comunitária, que atuaria nos bairros, diretamente com o cidadão.
"Não é suficiente, a própria lei municipal prevê a necessidade de 372 guardas. Ou seja, é preciso que sejam realizados mais dois cursos de formação, com mais 200 candidatos, que serão chamados. Inicialmente, iremos implantar um pelotão motorizado e um posto avançado na área da Cobal, que é um setor crítico, com bastante rotatividade de pessoas", ressalta Osnildo Morais.
Durante a reunião ocorrida ontem, o secretário garantiu ainda que os convocados serão empossados imediatamente após o encerramento do curso de formação, tranquilizando dessa forma os candidatos que aguardam a nomeação desde que o concurso foi homologado pela Prefeitura Municipal de Mossoró (PMM), em maio do ano passado.
"Esperamos que a administração pública dê celeridade ao certame, o que não vem acontecendo. Quanto às expectativas para o curso, acredito que teremos uma boa formação, para que possamos contribuir com a sociedade", conclui Rillen Rocha, um dos candidatos convocados.

Sobre a Guarda Civil

A Guarda Civil Municipal de Mossoró conta com 278 profissionais, treinados e capacitados para resguardar a segurança do cidadão mossoroense.  Sempre com a preocupação de mostrarmos para a população que somos uma Guarda Cidadã e que estamos nas ruas para lutarmos por um mundo mais justo, desde a proteção dos bens patrimoniais, até a segurança do cidadão.  Conte conosco. Ligue 153




Nuvens de Tags