Manchetes

Prefeita convoca Defesa Civil para apresentar Plano de Contingência

Foto:
A prefeita Fafá Rosado convocou para esta quarta-feira (23), ás 16h, todos os membros da Defesa Social do Município, para reunião no Salão dos Grandes Atos do Palácio da Resistência, na qual será apresentado o Plano de Contingência elaborado para amenizar os impactos causados pela estiagem.
Segundo o secretário da Defesa Social do Município, Manoel Bizerra, Mossoró está enfrentando as dificuldades causadas pela escassez de chuvas, porém a Prefeitura vem trabalhando todas as formas de amenizar esses impactos e um dos passos principais foi à elaboração do Plano. “Os encontros que tem como pauta a discussão dos efeitos da seca são necessários, considerando que o Município tem interesse de acelerar a implantação das medidas que constam no Plano”, disse.
O secretário destacou que durante a reunião desta quarta-feira, além da apresentação do Plano de Contingência, serão empossados os novos membros do Conselho Municipal da Defesa Civil.    

As discussões em torno dos problemas causados pela falta de chuvas foram iniciadas desde que o Governo do Estado decretou estado de emergência em 139 municípios, entre os quais, Mossoró foi incluído. O decreto nº 22.637 foi assinado pela governadora Rosalba Ciarlini e publicado no Diário Oficial do Estado em abril deste ano.
No Jornal Oficial de Mossoró, de 14 de maio de 2012, o Município decretou estado de emergência. O Decreto de N.º 3979 é claro quando menciona que diante da situação é necessário que haja uma interação entre diversos setores e segmentos no sentido de buscar soluções para amenizar os problemas que já existem decorrentes da estiagem.

Conforme consta no decreto é necessário, inclusive, a participação dos poderes públicos, estaduais e federais, no sentido de fornecer recursos que serão destinados as medidas de contenção, como por exemplo, disponibilizar carros pipas para suprir a necessidade de água nas comunidades rurais. “Considerando, ainda, que o município não dispõe de recursos financeiros próprios, ou mesmo previsão orçamentária, suficientes para arcar com o montante dos prejuízos sofridos e fazer frente às despesas que se demonstram necessárias”.

Desde que foi decretado estado de emergência em Mossoró que a Defesa Social e a Gerência de Agricultura vem tomando todas as medidas possíveis e de caráter imediato em prol da população rural.

O gerente da Agricultura, Rondinelli Carlos, informou que foram feitas várias visitas as comunidades rurais, com o objetivo de conhecer de perto a realidade, ou seja, quais os principais problemas enfrentados pelos agricultores devido à falta de chuvas. “As medidas emergenciais foram tomadas com base nas necessidades reais do homem do campo”, frisa o gerente da Agricultura. 

Fonte: PMM

Sobre a Guarda Civil

A Guarda Civil Municipal de Mossoró conta com 278 profissionais, treinados e capacitados para resguardar a segurança do cidadão mossoroense.  Sempre com a preocupação de mostrarmos para a população que somos uma Guarda Cidadã e que estamos nas ruas para lutarmos por um mundo mais justo, desde a proteção dos bens patrimoniais, até a segurança do cidadão.  Conte conosco. Ligue 153




Nuvens de Tags