Manchetes

Segurança pública é debatida no bairro Aeroporto I

 
Os moradores do bairro Aeroporto I e regiões adjacentes, em Mossoró, receberam na tarde deste sábado, 13, a quinta edição da Plenária Popular Sobre Segurança Pública, que é uma iniciativa da Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Civil. O encontro aconteceu no Lar de Nazaré, por trás da Igreja Santo Expedito.
“Assim como tem acontecido em todas as plenárias, hoje nós também queremos ouvir dos moradores do local as reivindicações ligadas à área da segurança pública. Precisamos dessa consulta para poder montar o nosso Plano Municipal de Segurança, com a prioridade de prevenção à violência, sem esquecer das ações ostensivas”, disse a secretária Socorro Batista.
A anfitriã desta tarde foi a senhora Josefa Eunice da Costa, que é coordenadora do Lar de Nazaré. Dona Eunice, como é conhecida, pediu que a plenária acontecesse no bairro e foi atendida. “Aqui a violência tem sido uma constante. São muitos assaltos e nos últimos dias não podemos nem ficar na calçada de casa, com medo de bala perdida”, observou. “Por isso queremos que a secretária ouça nossas dificuldades para que busque soluções”, completou.
Um dos pedidos mais urgentes das pessoas que participaram da plenária, é a presença de uma ronda ostensiva na região pela da Guarda Municipal, com viaturas motorizadas, seja através de carros ou motocicletas. Para os moradores, a presença da Guarda inibiria a ação dos bandidos e desta forma os assaltos e tiroteios diminuiriam.
“Queremos diagnosticar a violência a partir do depoimento da comunidade. Por isso a realização dessas plenárias é tão importante. Sabemos que os problemas não serão resolvidos da noite para o dia, mas escutando a população podemos saber onde atuar com prioridade”, disse a secretária Socorro Batista.
PLENÁRIAS - Antes do Aeroporto I, a Plenária Popular Sobre Segurança Pública passou pelos bairros Bom Jardim, Abolição III, Alto de São Manoel e na quinta-feira passada, pela primeira vez, chegou até a zona rural ao ser realizada na comunidade do Riacho Grande.
“No Riacho Grande vimos a importância de escutar a população. Lá percebemos que a principal violência é a doméstica contra as mulheres. Se não fosse a plenária, seria mais difícil para nós, saber que este é um problema constante naquela comunidade”, comentou Socorro.
A plenária faz parte de uma série de ações desenvolvidas pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Civil e, até o dia 18 de outubro, diversos bairros ainda devem ser visitados para o debate sobre os assuntos que envolvem a violência nas ruas de Mossoró.
Para as próximas edições, que geralmente acontecem uma vez por semana, qualquer representante de conselho comunitário que tiver interesse em receber uma plenária popular pode entrar em contato com a Secretaria de Segurança.

Sobre a Guarda Civil

A Guarda Civil Municipal de Mossoró conta com 278 profissionais, treinados e capacitados para resguardar a segurança do cidadão mossoroense.  Sempre com a preocupação de mostrarmos para a população que somos uma Guarda Cidadã e que estamos nas ruas para lutarmos por um mundo mais justo, desde a proteção dos bens patrimoniais, até a segurança do cidadão.  Conte conosco. Ligue 153




Nuvens de Tags